Saúde Tecnologia

Qual a relação entre a osteoporose e a alimentação?

Em algum momento da sua vida, você, com certeza, já ouviu falar em osteoporose. Condição associada a pessoas mais velhas, o que faz total sentido, já que é a partir dos 40 anos que começamos a perder massa muscular, a osteoporose é uma doença silenciosa. 

Por geralmente não apresentar sintomas, a osteoporose só é identificada quando a condição já está instalada, devido a uma fratura ou por causa de uma dor crônica, que evidencia deformação nos ossos.

Conheça mais sobre a osteoporose, como prevenir e tratá-la e como os alimentos podem influenciar nessa condição. 

O que é osteoporose?

A osteoporose se configura pelos ossos frágeis, porosos e, consequentemente, quebradiços. Mulheres estão mais propensas a estas condições, principalmente após a menopausa. Mas engana-se quem pensa que os homens não sofrem deste mal. Com o avançar da idade, podem ocorrer diversas fraturas, principalmente na região do quadril, nas costelas e no colo do fêmur.

Antes da osteoporose instalar-se, existe uma condição denominada osteopenia, que consiste na primeira etapa da degeneração óssea, ou seja, há um desequilíbrio entre as células de absorção e regeneração, que seja

  • Osteoclastos: responsáveis pela absorção de minerais, eliminam áreas de tecido ósseo e criam cavidades. 
  • Osteoblastos: preenchem as cavidades formadas pelos osteoclastos e produzem novos ossos. 

Ou seja, estas células são responsáveis pelo processo que promove a renovação do nosso esqueleto. Para ter uma ideia, a cada três meses, 10% dos ossos são renovados. Porém, com o avançar da idade, a degeneração é mais rápida do que a renovação e esse desequilíbrio pode levar à osteoporose.

Por que a osteoporose acontece?

Como citamos anteriormente, as mulheres mostram-se mais suscetíveis à osteoporose por causa das mudanças hormonais que ocorrem com a menopausa e a queda abrupta do estrogênio, que influencia diretamente na fixação do cálcio nos ossos. Nos homens, esta condição é mais comum após os 70 anos, porque a testosterona funciona como uma barreira contra o desgaste ósseo por muitos anos.

Uma dieta pobre em cálcio constitui fator importante para o surgimento da osteoporose. Fatores genéticos também podem influenciar para o surgimento da doença, assim como sedentarismo, abuso de álcool, tabagismo, diabetes, disfunções na tireoide e uso de alguns tipos de medicamentos, como glicocorticoides, anticonvulsivantes, quimioterápicos, entre outros.

Como prevenir e tratar a osteoporose?

O baixo consumo de cálcio, como falamos acima, pode influenciar muito no desenvolvimento da osteoporose e, ao contrário do que muitos pensam, o cálcio não é encontrado apenas no leite. Folhas verde escuras, como brócolis, espinafre e couve-manteiga, apresentam-se como importantes fontes de cálcio, além do leite e de seus derivados. 

Mas não adianta apenas consumir este mineral. Ele precisa vir associado a concentrações equilibradas de vitamina D e de magnésio no organismo, pois, sem eles, a absorção do cálcio fica prejudicada.

Por sua vez, a vitamina D pode ser suplementada, já que a sua absorção por meio da alimentação é muito baixa. Porém, o sol ainda é a melhor fonte dessa vitamina. Daí a necessidade real de tomar sol diariamente, por 15 minutos, sem protetor solar. 

Já o magnésio é encontrado em alimentos como: abacate, nozes, amêndoas, leguminosas, peixes gordurosos, chocolate amargo e sementes de abóbora.

A prática de exercícios físicos de impacto também é uma grande aliada na prevenção da osteoporose, pois estimula a formação da massa óssea, além dos exercícios de ganho muscular, que protegem os ossos de futuros choques.

Quando detectada a osteoporose, o tratamento, além das adequações desses nutrientes por dieta ou suplemento, será feito com medicamentos que diminuem a degradação de tecido ósseo.

Os alimentos e a osteoporose

No tópico acima já deu pra perceber como uma alimentação com nutrientes em desequilíbrio pode influenciar no desaparecimento da osteoporose, afinal, as nossas maiores fontes de cálcio e magnésio são os alimentos que ingerimos.

Além disso, pessoas que tomam muito chá, café e doces tendem a apresentar uma densidade óssea mais baixa, segundo a Associação Brasileira de Nutrição (Asbran). Isso ocorre porque ingredientes ricos em cafeína e açúcar, quando ingeridos em alta quantidade, podem provocar inflamação no organismo e a osteoporose é decorrente de um processo inflamatório. Portanto, o processo agrava-se com a ingestão destes alimentos. 

Por outro lado, uma alimentação saudável, com a ingestão de frutas, vegetais e tubérculos, auxilia na condição geral do indivíduo que sofre com a osteoporose.  

O ideal é prevenir esta condição e, além da prática de exercícios físicos regulares, como já destacamos, nós listamos 10 alimentos que podem te auxiliar no combate da osteoporose. São eles: 

  • leite: por ser rico em cálcio;
  • sardinha e salmão: esses peixes são boas fontes de vitamina D; o salmão é rico em gorduras boas, como o ômega 3 e a sardinha, em cálcio;
  • gema do ovo: excelente fonte de proteína;
  • nozes e castanhas: fontes de ômega 3;
  • cogumelos: boa fonte de vitamina D;
  • tomate: rico em minerais como magnésio, ferro e potássio;
  • espinafre: rico em ferro, fósforo, cálcio e vitaminas;
  • cereais integrais: fontes de carboidratos de baixo índica glicêmico;
  • linhaça: além de ser uma ótima fonte de ômega 3, ajuda os rins a excretar água e sódio. 

Concluindo, por ser uma doença que não apresenta sintomas em seu estágio inicial, é essencial que a prevenção da osteoporose seja trabalhada. E, como sempre falamos por aqui, o estilo de vida saudável e equilibrado, com alimentação de qualidade e prática de exercícios físicos regulares, além de visitas regulares ao médico, são grandes aliadas.

Além disso, sabemos que existem suplementos que fazem a diferença no dia a dia, repondo os minerais e vitaminas que o corpo precisa. E nisso podemos ajudar! É só preencher o nosso questionário que a Beca, nossa inteligência artificial, irá te ajudar. É rápido e fácil!

Links úteis:

visitar link
visitar link
visitar link
visitar link
visitar link
visitar link
visitar link
visitar link
visitar link
visitar link
visitar link
visitar link
visitar link

Você também pode gostar...

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.