Saúde

Alimentação saudável na prevenção de câncer

Segundo o estudo promovido pelo Inca e publicado no ano passado, denominado “Um Resumo do Terceiro Relatório de Especialistas com Uma Perspectiva Brasileira(1),o câncer é responsável por uma em cada oito mortes que ocorrem no mundo, tendo ultrapassado a doença cardiovascular como a principal causa de morte em diversos países. 

Até 2030, estima-se que cerca de 13 milhões de pessoas vão morrer por causa do câncer e, curiosamente, é nos países de alta renda onde este mal se propaga mais. A razão deste aumento também se dá porque a população está envelhecendo. 

A boa notícia é que de 30% a 50% dos casos de câncer podem ser evitáveis adotando um estilo de vida mais saudável, ou seja, com dieta equilibrada, prática de atividades físicas, evitar o tabaco e a poluição ambiental.

Por que o câncer surge?

Você sabia que são raros os casos de câncer que aparecem ligados somente aos fatores genéticos? É verdade que alguns fatores hereditários também contribuem para o surgimento de alguns tipos de câncer. Porém, é o conjunto de situações externas que expõem os indivíduos ao surgimento desta doença em diversas partes do corpo. 

Segundo o Instituto Nacional do Câncer (Inca), órgão vinculado ao Ministério da Saúde, de 80% a 90% dos casos estão associados a causas externas, como: 

  • alimentação inadequada;
  • falta de atividades físicas regulares; 
  • excesso de bebidas alcoólicas; 
  • exposição à radiação; 
  • fatores de risco no trabalho e no ambiente; 
  • excesso de exposição solar; 
  • doenças infectocontagiosas; 
  • obesidade;
  • tabagismo.

Estas situações, combinadas com a condição interna de cada organismo, como hormônios, condições imunológicas e mutações genéticas, podem resultar no surgimento de diversos tipos de câncer. O próprio envelhecimento do organismo pode trazer mudança na estrutura das células, tornando-as mais vulneráveis a esta condição. 

O papel da alimentação na prevenção do câncer

Toda energia e nutrientes necessários para o organismo provêm da nutrição. Algumas substâncias o próprio corpo produz. Outras devem ser encontradas na natureza e absorvidas para promover um metabolismo equilibrado no corpo, pois influenciam nestes processos. 

Uma alimentação saudável, repleta de frutas, verduras, legumes variados, cereais integrais e leguminosas (como feijões, lentilha, grão de bico, ervilha), com certeza, é muito melhor do que uma dieta que contém produtos industrializados, extremamente pobres em nutrientes. 

Carnes processadas (como presento, salsicha, mortadela, linguiça, salame, peito ou blanquet de peru, entre outras), excesso de ingestão de carnes vermelhas e muito sal também se revelam prejudiciais ao organismo, especialmente quando o assunto é a prevenção de doenças como o câncer.

O estudo do Inca, citado no início do texto, recomenda fazer dos alimentos de origem vegetal a base da alimentação, com pelo menos cinco porções (400 gramas) de frutas, legumes e verduras, feijões, cereais integrais, sementes e/ou nozes ao dia, para se proteger do câncer. Além disso, orienta o uso de até 750 gramas de carne por semana. As melhores formas de preparo das carnes são assadas, cozidas e ensopadas. Carnes grelhadas, fritas ou preparadas como churrasco aumentam a produção de agentes que podem causar câncer. 

10 alimentos que ajudam na prevenção do câncer

1 – Frutas vermelhas e roxas:

Frutas como amora, morango e framboesa, auxiliam na prevenção de diversos tipos de câncer por são ricas em flavonoides, que possuem propriedades antioxidantes e anti-inflamatórias.

2 – Chá verde e preto:

Possuem polifenóis do tipo catequina e, por isso, podem ajudar na prevenção do câncer de bexiga, pulmão e próstata. 

3 – Tomate, goiaba e melancia:

Esses alimentos são ricos em licopeno, um carotenoide antioxidante que ajuda a recuperar danos causados nas células pela ação de radicais livres.

4 – Cenoura e abóbora: 

Grandes fontes de betacaroteno, atuam na prevenção do câncer de pulmão.

5 – Peixes:

Peixes como sardinha, atum e salmão são ricos em ômega 3, ácido graxo essencial que atua de diversas maneiras no organismo e, por combater o envelhecimento precoce das células, faz com que elas se reproduzam de maneira saudável, diminuindo o surgimento de câncer. 

6 – Frutas cítricas (ricas em vitaminas C):

A maioria das pessoas conhece a função de melhora na imunidade proporcionada pela vitamina C, mas ela também atua na prevenção de diversos tipos de câncer, principalmente de estômago. Abacaxi, laranja e limão são alguns exemplos dessas frutas. 

7 – Feijão e soja:

Possuem isoflavonas e ginisteína, substâncias que atuam na prevenção do câncer. São versáteis e podem ser consumidos de diversas maneiras

8 – Alho:

Possuem alicina, capaz de atuar na prevenção de câncer de estômago, esôfago e intestino. Além disso, possui selênio, vitamina C, manganês e vitamina B6, que possuem função antioxidante.

9 – Espinafre:

Rico em ácido fólico, que combate a formação de células defeituosas, e vitamina E, antioxidante que combate os radicais livres.

10 – Chocolate amargo

Além de delicioso, faz bem à saúde!

O combate ao câncer se deve pela presença de polifenois catequinas. Mas atenção, é importante escolher as opções com maior teor de cacau, o indicado é de, no mínimo, 70%.

Que tal conhecer como está o equilíbrio do seu organismo preenchendo nosso questionário? A Beca, nossa inteligência artificial, mostra os resultados na hora e indica as suplementações mais adequadas para a sua realidade, ajudando a manter o seu corpo mais saudável e equilibrado.

Raquel Awade

Nutricionista graduada pelo Centro Universitário São Camilo em 2006.
Aprimorada em Transtornos Alimentares pelo Instituto de Psiquiatria do Hospital das Clínicas- USP (AMBULIM).
CRF-SP 28.309
@nutri.raquelawade

Você também pode gostar...

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.